CONCELHO DE PENICHE COM NOVO ESPAÇO MUSEOLÓGICO – CENTRO INTERPRETATIVO DE ATOUGUIA DA BALEIA INAUGURA A 17 DE MARÇO

CONCELHO DE PENICHE COM NOVO ESPAÇO MUSEOLÓGICO –  CENTRO INTERPRETATIVO DE ATOUGUIA DA BALEIA INAUGURA A 17 DE MARÇO
CIAB – Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia

O CIAB – Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia inaugura no próximo dia 17 de março de 2012, pelas 21h00, com a abertura da exposição “Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia: um projeto museológico participativo” e as atuações do Grupo de Metais da Banda da Sociedade Filarmónica União 1º de Dezembro de 1902, Coro de Geraldes e Coral Stella Maris.

As comemorações estendem-se até segunda-feira seguinte, com a recuperação da tradicional missa em honra de S. José, pelas 19h00 de 19 de março.

Este projeto resulta de uma parceria entre o Município de Peniche, a Junta de Freguesia de Atouguia da Baleia e a Fábrica da Igreja Paroquial de S. Leonardo. A cerimónia de assinatura dos protocolos tripartidos decorreu no passado dia 5 de março.

Integrado na Rede Museológica do Concelho de Peniche, o CIAB tem como objetivo o estudo, valorização e divulgação do património histórico e cultural do concelho, proporcionando uma visão integrada da Região Histórica de Atouguia da Baleia. Para tal, abarca conhecimentos de diversas áreas científicas que vão desde a geologia e da paleontologia à arqueologia e à história, passando também pela geografia humana e pela antropologia.

O projeto implicou a reabilitação de um edifício histórico – a igreja de S. José, integrada no circuito de visita do CIAB – e a construção de edifício anexo, sede do núcleo. Para além das obras, desenvolvem-se desde 2007 trabalhos visando o estudo, inventário, conservação e valorização do património integrado ou a integrar, em espaço museológico e in situ. Destes, destacam-se a conservação e restauro do espólio do CIAB, com realce para os trabalhos no Retábulo do Altar-Mor da Igreja de S. José, bem como o projeto Inventário Participativo do Património Cultural que, com o apoio das coletividades e populações das diversas localidades da freguesia, permitiu um maior conhecimento da matriz cultural e o levantamento do património atouguiense.

O projeto de reabilitação da Igreja de S. José e implementação do Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia contemplou um investimento financeiro na ordem dos € 650.082,40, dos quais € 193.441,20 resultaram de financiamento do Estado Português no âmbito de um contrato programa firmado em 2001 entre a Direção-Geral das Autarquias Locais, a Comissão de Coordenação da Região de Lisboa e Vale do Tejo e o Município de Peniche. Neste sentido, o investimento direto da autarquia neste importante projeto de natureza cultural assumiu os € 456.641,20, verba onde se incluem os investimentos resultantes das empreitadas de recuperação da Igreja de S. José e construção do edifício do CIAB, a aquisição de equipamentos e materiais museológicos e de conservação e restauro, o recrutamento e alocação ao projeto de recursos humanos qualificados (nos domínios da conservação e restauro e antropologia), o arrendamento de armazém para depósito temporário de acervo museológico, a aquisição de parcela de terreno anexa ao CIAB para efeito de arranjo exterior, e, por fim, os próprios arranjos exteriores ao equipamento. Trata-se, sem dúvida, de um importante investimento do Município de Peniche no âmbito da valorização do património cultural concelhio, numa perspetiva identitária, de diferenciação e qualificação turística do território.

O Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia assenta num projeto onde a participação da comunidade é central. Nele se desenvolve o estudo, interpretação, valorização, divulgação e fruição dos patrimónios – materiais e imateriais – da freguesia de Atouguia da Baleia e do concelho de Peniche. Após a visita ao CIAB os visitantes serão convidados a conhecer in situ o diverso património concelhio.

Realça-se, igualmente, a preocupação ao nível das acessibilidades, pelo que o espaço se encontra adaptado para pessoas com mobilidade reduzida e a exposição está traduzida para braille, tendo alguns recursos expositivos multi-sensoriais.

Após a inauguração e até final de março, estará em curso uma iniciativa do Serviço Educativo do CIAB designada “De que é feito um museu?”, que consiste numa visita guiada às diferentes áreas deste núcleo museológico. Esta atividade é gratuita, requerendo marcação prévia através dos contactos abaixo.

Não perca a abertura deste novo espaço museológico no próximo dia 17 de março!

GALERIAS DE FOTOS
CENTRO INTERPRETATIVO DE ATOUGUIA DA BALEIA
Rede Museológica do Concelho de Peniche
www.cm-peniche.pt
 
LOCALIZAÇÃO
Largo de S. José
2525-083 Atouguia da Baleia
Lat. 39 20 25.68; Long. -9 19 37.81
 
CONTACTOS
262 758 644

HORÁRIO
De terça-feira a sábado: 10h00-13h00 e 14h00-18h00


CONTACTOS

Largo do Município
      2520-239 Peniche

(+351) 262 780 100

(+351) 262 780 111

 cmpeniche@cm-peniche.pt


 





Subscreva a nossa newsletter e receba todas as novidades no seu email.