Organização da Câmara Municipal de Peniche e União de Resistentes Antifascistas Portugueses.

Ciclo de cinema documental sobre Liberdade na Fortaleza de Peniche

Ciclo de cinema documental sobre Liberdade na Fortaleza de Peniche
Ciclo de cinema documental sobre Liberdade na Fortaleza de Peniche

Inserido no programa de eventos alusivo à comemoração do 38º aniversário da Revolução dos Cravos, decorrerá na Fortaleza de Peniche, entre 21 e 27 de abril de 2012, um ciclo de cinema documental tendo como pano de fundo a temática da Liberdade.

Este ciclo inicia-se com a projeção do documentário “48”, de Susana Sousa Dias, o primeiro de três desta autora, no dia 21, pelas 15h00 na Capela de Santa Bárbara, seguido de comentário de José Pedro Soares.

O ciclo prossegue com “Natureza morta”, a apresentar no dia 24, pelas 21h30, contando com o comentário de Manuel Pedro; terminando no dia 27, também às 21h30, com o filme “Processo-crime 141/53 Enfermeiras no Estado Novo”.

Este ciclo de cinema documental é promovido em parceria com a União de Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP), ao abrigo de protocolo de colaboração, firmado a 25 de abril de 2007, entre a Câmara Municipal de Peniche e esta entidade.

No âmbito deste protocolo, versando a promoção do estudo, informação e recolha de documentação referente ao papel desempenhado pela Fortaleza de Peniche enquanto estabelecimento prisional durante o período fascista, têm sido realizadas várias iniciativas e projetos no domínio da evocação da memória histórica da antiga “Cadeia do Forte de Peniche”, destacando-se as exposições “75 anos da instalação da prisão política” (no Museu Municipal desde 2008) e “25 de Abril – um cravo vivo de sonho” (abril de 2010) ou a evocação do 50º aniversário da Fuga Colectiva da Cadeia do Forte de Peniche (3 de janeiro de 2010).

Presentemente estas duas entidades colaboram em projeto visando a edificação de um memorial que proceda à homenagem pública, e para a posteridade, de todos os cidadãos que estiveram presos nesta célebre prisão política, durante a vigência da ditadura fascista (1933-1974), contendo a listagem de todos os seus nomes, a erguer na Fortaleza de Peniche. Numa primeira fase, a decorrer deste março passado, será efetuada a consulta documental do Registo Geral de Presos, confiado à Direção-Geral de Arquivos/Arquivo Nacional da Torre do Tombo, de forma a proceder ao levantamento das identidades dos presos políticos que cumpriram pena na Cadeia do Forte de Peniche.

Reconhecendo o histórico de iniciativas realizadas e presentemente em curso no âmbito deste convénio, a Câmara Municipal de Peniche deliberou, em reunião camarária do passado dia 17 de abril, proceder à prorrogação do referido protocolo, dando assim seguimento a uma aposta na valorização da memória antifascista associada ao espaço da Fortaleza de Peniche.

Ciclo de Cinema Documental – Fortaleza de Peniche
21 a 27 de abril de 2012

Dia 21 -
15h00
Ciclo de Cinema Documental - ''48, de Susana de Sousa Dias
Capela de Santa Bárbara

Dia 24 -
21h30
Ciclo de Cinema Documental – “Natureza Morta, de Susana Sousa Dias
Capela de Santa Bárbara

Dia 27 -
21h30
Ciclo de Cinema Documental –Processo-Crime 141/53 Enfermeiras no Estado Novo, de Susana Sousa Dias
Capela de Santa Bárbara
 
Evento integrado no programa Abril – Mês da Liberdade 2012.

Organização:
Câmara Municipal de Peniche
União de Resistentes Antifascistas Portugueses


CONTACTOS

Largo do Município
      2520-239 Peniche

(+351) 262 780 100

(+351) 262 780 111

 cmpeniche@cm-peniche.pt


 





Subscreva a nossa newsletter e receba todas as novidades no seu email.